.comment-link {margin-left:.6em;}

Casa Comum das Tertúlias

Blog da CCT. Espaço de intervenção e de reflexão. Aqui a Cultura e a Democracia são as prioridades. Participem.

sábado, abril 23, 2011

Quem foi Amato Lusitano?

Pelos 500 anos de Amato Lusitano...


Outras cidades souberam dignificar a memória dos seus cidadãos... e Castelo Branco?


Quem conhece o programa?

Onde estão os cartazes (à "molderiana")?

Quem recebeu convites para as iniciativas?

Que recursos humanos e financeiros foram afectados para as comemorações dos 500 anos do seu nascimento?

Qual o trabalho de chamar a comunidade em geral a participar, nomeadamente as escolas?


Dia 25 de Abril celebra-se mais um aniversário do 25 de Abril de 1974, Dia da Liberdade, no passado dia 20 de Abril, celebrou-se o centenário da Lei da Separação do Estado da Igreja. Amato foi vítima da falta de liberdade religiosa no seu tempo...

Será nova vítima, da falta de vontade em fazer-lhe justiça!?

Etiquetas: , , , ,

1 Comments:

At 6:12 da tarde, Anonymous Anónimo said...

João Rodrigues, de Castelo Branco, mais conhecido por Amato Lusitano, nome que escolheu para honrar a sua pátria, foi um médico e cientista ilustre. As comemorações dos 500 anos do seu nascimento são celebradas por todo o país, nomeadamente com as iniciativas do grupo albicastrense que organiza há mais de 20 anos as "Jornadas de Medicina da Beira Interior" em que um dos temas essenciais é exactamente Amato. A Ordem dos Médicos exaltou a sua figura no Juramento de Hipócrates dos novos médicos em 2010 relembrando o Juramento de Amato, não menos importante, e mesmo mais actual. A Ordem dos Médicos, pelo seu Conselho Nacional Executivo, conjuntamente com a Sociedade de Geografia de Lisboa e o apoio da Universidade Nova de Lisboa, lançou a nova edição das "Centúrias de Curas Medicinais", sua principal obra, que se encontrava esgotada e cuja preparação começou há alguns anos.
Em Fevereiro, a Câmara de Castelo Branco patrocinou uma conferência sobre Amato, mas estas comemorações são efectivamente de pouca monta tendo em consideração a enorme importância de Amato Lusitano, que é pouco conhecido no seu próprio país.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home